Casar no Egito – egípcio e estrangeira


O casamento entre homens egipcios e mulheres estrangeiras têm aumentado de ano para ano. São vários os motivos, e hoje vou escrever um pouco sobre o procedimento em si.

Casamento muçulmano

Portanto os estrangeiros, sim tanto para homem quanto mulher, que consideram se casar com um cidadão egípcio devem aprender sobre a lei de família egípcia, também conhecida como leis de status pessoal. Especialmente para as mulheres, seus direitos como cônjuges e mães são muito diferentes no Egito em relações a outros países, assim como os direitos de quaisquer filhos resultantes do casamento.

Quais os requisitos de identificação para a cerimônia:

1- prova de cidadania ou passaporte válido. Todos os documentos precisam ser traduzidos para o árabe ou inglês. Declaração de estado civil, certidão de divórcio ou atestado de viuvez traduzido e legalizado antes de sair do Brasil.

2- Você precisa ter duas testemunhas do sexo masculino que tenham documentos de identificação quando solicitar a licença de casamento. Não há exigência de residência.

3- Período de espera: há um período de espera de três meses se você tiver se divorciado antes. Se você é viúva, precisará esperar quatro meses e dez dias para realizar o casamento.

4- Casamentos anteriores: você precisará mostrar a prova de rescisão de qualquer casamento anterior ou seja a cópia original ou certidão de divórcio autenticada (traduzida para o árabe).

5- Exame médico: é necessário um exame médico de rotina por um médico egípcio. Um bom advogado trata disso rapidamente no Egito.

6- Casamentos inter-religiosos: Os casamentos inter-religiosos são permitidos, exceto se a noiva for muçulmana e o noivo tiver uma fé diferente, (a muçulmana só pode casar com muçulmano, o inverso é permitido segundo a fé islâmica).

7- Menores de 18 anos: se algum de vocês tiver menos de 18 anos, é necessário o consentimento dos pais.

8- Poligamia: Sim. Embora menos de 3% dos homens egípcios tenham várias esposas, uma lei aprovada em 1985 permite que um homem tenha quatro esposas. Em 2000, foi aprovada uma nova lei que permite que um homem e uma mulher concordem por meio de um contrato assinado que o marido pode não ter mais de uma esposa, contrato separado do contrato de casamento oficial, mas aqui vos digo que é legítimo pela religião e nenhum contrato se sobrepõe a esse fato. Até porque a mulher que não concorda tem o livre arbítrio para pedir o divórcio.

9- Casamentos por procuração: Não permitido.

10- Casamentos do mesmo sexo: Não permitido.

11- Casamentos entre primos: sim.

12- Casamento islâmico no Egito: Os casais devem ter:

• consentimento de ambas as famílias para o casamento.

• consentimento da noiva e do noivo para o casamento.

• O noivo deve ter meios financeiros para sustentar uma esposa e família, fornecendo um apartamento mobiliado.

• Noiva acompanhada por seu responsável quando ela assina o contrato de casamento quando menor.

• Presença de testemunhas.

• Pagamento do presente (dote) de casamento da noiva.

• Declaração pública do casamento. Observação: os requisitos do processo de casamento geralmente mudam. As informações acima são apenas para orientação e não devem ser consideradas como aconselhamento jurídico. É importante que você verifique todas as informações junto da embaixada antes de fazer qualquer casamento ou planos de viagem.

É conveniente trazer sua certidão de batismo, ou de conversão ao Islam devidamente autenticada, para muçulmanas devem ir ao Al azhar fazer a Shahada novamente com o sheikh e pegar seu certificado lá mesmo.

Os casamentos inter-religiosos são permitidos pela lei egípcia, exceto no caso de uma mulher muçulmana e um homem não muçulmano.

Só pode se casar novamente no Egito pelo menos 90 dias após o divórcio ou 130 dias após a morte de seu ex-cônjuge. Se estiver grávida, você só pode se casar novamente após o nascimento do bebê.

Os formulários a serem preenchidos no tribunal do casamento só podem ser obtidos no dia do casamento ou no dia anterior. São necessários:

• Prova de identidade (o passaporte) para o estrangeiro, duas fotocópias da página de dados do passaporte, o visto de entrada egípcio.

Após o casamento no tribunal de justiça você deve apresentar a certidão de casamento no ministério das relações Exteriores, e outros dois lugares pelo menos até concluir o que é pedido.

Prepare dinheiro para as taxas de casamento e selos. Por isso que o melhor é contratar um advogado no Egito. Se vc precisar de aconselhamento, indicações, organização de tudo isso, procure o Além das Pirâmides.

6 respostas para “Casar no Egito – egípcio e estrangeira”.

  1. Oi Simone, vou precisar organizar tudo para casamento, você me indica algum advogado?

    Curtido por 1 pessoa

    1. Oi Carolina eu faço essa assessoria do casamento…A maior parte das coisas tem que ser vcs antes do evento…O advogado entra no fim já. Sim tenho indicação de profissionais. Da uma olhada aqui
      https://beacons.ai/alemdaspiramides/

      Curtir

  2. O conteúdo me ajudou muito ..

    Curtido por 1 pessoa

    1. Que bom pois realmente não é simples estar com tudo em dia.

      Curtir

  3. Isso é bom pra alerta estas mulheres ou homens que gostam dos habyb
    Parabéns Simone.

    Curtido por 1 pessoa

    1. Com certeza, aqui informo toda situação, cultura, viagens e etc sobre o Egito

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie seu site com o WordPress.com
Comece agora
%d blogueiros gostam disto: